Araquém Alcântara / A Fotografia como exercício de uma vertigem

Araquém Alcântara é andarilho, viajante, pioneiro na documentação ambiental do Brasil. Ele faz poemas visuais e usa a fotografia como poderosa arma de conhecimento. Seu trabalho é um dos primeiros a criar uma memória e uma identidade visual para o país, transportando-nos para espaços desconhecidos e de raríssima beleza. Um olhar politizado e poético, marcado pelo encantamento de revelar a cultura do povo brasileiro e a exuberância de sua natureza. Araquém é um colecionador de mundos.